sábado, 13 de julho de 2013

FEIRA DAS VAIDADES - JOHN BUNYAN

FEIRA DAS VAIDADES
Vaidade de vaidades, diz o pregador, vaidade de vaidades! Tudo é vaidade. Eclesiastes 1:2

"Então vi em meu sonho, que ao saírem do deserto, chegaram à cidade da vaidade onde se realizava uma feira, chamada "FEIRA DAS VAIDADES". Ora a feira das vaidades não é um negócio novo. Há muito tempo Belzebu, Apoliom e Legião viram que os peregrinos que rumavam para a cidade celestial precisavam passar por aquela cidade e resolveram intitular uma feira permanente na qual vendessem vaidades tal como honras mundanos e deleites carnais. Quando os dois peregrinos aproximaram-se da feira, o povo se agitou formando logo um alvoroço. Como a roupa dos peregrinos diferia da dos habitantes da cidade local, todos olharam fixamente julgando-os de tolos e loucos.  Além disso por falarem a língua de Canaã , ambos pareciam bárbaros e incultos aos olhos dos homens deste mundo que mantinham a feira. Fiel e Cristão davam pouco valor  às mercadorias oferecidas e, os comerciantes os chamavam para comprar e negociar tapavam os ouvidos e diziam logo:

"Desvia os meus olhos das coisas inúteis; Salmos 119:37"

E olhavam para o alto, sugerindo que seus negócios estavam lá no céu.

SHOPPING CENTER
*Pequeno trecho de John Bunyan, O peregrino.


Nenhum comentário:

Postar um comentário